boo-box

03 dezembro 2008

Glamorous Indie Rock and Roll

killersdayage O lançamento recente de Day & Age, escancara o fato de que o The Killers é uma das bandas de indie rock mais interessantes dos últimos tempos.

"Losing Touch" e "Human" abrem o disco mostrando que eles não são mais a mesma banda do ótimo "Sam's Town". O que não quer dizer que isso seja bom ou ruim, apenas diferente. "Spaceman" acelera o disco e deixa o refrão grudado na cabeça.

"Joyride" é daquelas músicas pra se dançar com as mãos fechadas, punho levantado e balançando a cabeça nas baladas de rock alternativo.

Depois aparece uma música épica, "A Dustland Fairytale", talvez a melhor do álbum. "This is your life" e "I can't stay" são baladinhas, daquelas pra ouvir abraçadinho com a namorada.

"Neon Tiger" parece ter vindo de um disco da década de 80. Mas a música dos anos 80 é legal.

Há ainda uma canção cuja letra parece ter vindo de um disco de emocore. Mesmo assim, vale a pena escutar "The World We Live In".

"Goodnight, Travel Well", com seus quase 7 minutos, consegue escapar do risco de ser uma música longa e cansativa. E fecha bem o álbum.

Algumas versões do disco contém faixas bônus. "A Cripping Blow" e "Forget About I Sad" tem cara de B-sides da época de Sam's Town. Talvez seja esse o motivo de serem justamente faixas bônus. "Tidal Wave" poderia fazer parte do tracklist, mas resolveram distribuí-la para os compradores do disco no iTunes.

Imperdível!

Leia também: The Killers

Um comentário:

  1. Gosto muito quando vc posta essa realeses... vou ouvir esse cd... me chamou a atenção...

    ResponderExcluir