boo-box

24 junho 2009

Pato Fu no Boulevard Tatuapé

Eu estranhava o fato do Pato Fu fazer mais shows em São Paulo que no resto do país. Entendi o porquê no último domingo, no Shopping Boulevard Tatuapé. Confesso que nunca tinha visto tantos gritinhos histéricos e aplausos acalorados num show dos patos. E olha que já fui em uma dezena.

A música que eles fazem trata de temas universais, sem nenhuma espécie de regionalismo. Logo, quanto maior a cidade, maior o número de fãs. Com o local lotado, um público que mesclava vovós, crianças de colo, famílias reunidas, manos e os indies de sempre, o Pato Fu fez todos esquecerem que era hora do almoço.

Músicas de todos os álbuns da banda foram executadas, embora os 3 primeiros discos tenham contribuído com apenas uma canção cada (Gimme 30, Sobre o Tempo e Capetão 66.6 FM). Os hits Perdendo Dentes, Depois e Ando Meio Desligado fizeram todos cantar juntos. Canção pra você viver mais foi emocionante como sempre.

As belas músicas do último trabalho, Daqui Pro Futuro, ainda não emplacaram ao vivo. Muitos ainda não as conhecem, talvez pela menor presença da banda nas rádios e novelas desde que se tornou independente. A belíssima 30.000 pés e a divertida Nada Original se destacaram. Em Woo!, John se vangloriou de fazer um refrão mais fácil que os do Jota Quest.

Ainda houve tempo para tocarem os lados-b preferidos de muitos fãs: Imperfeito e Um Dia, Um Ladrão, músicas-irmãs que usualmente não são tocadas no mesmo show.

No já tradicional encerramento com Uh Uh Uh, Lá Lá Lá, Ié Ié, cheguei à conclusão que não importa quantas vezes eu assistir o Pato Fu – eu sempre vou achar sensacional.

2 comentários:

  1. Anônimo4:53 PM

    "Você não vai, não vou também..."

    ;o)

    ResponderExcluir
  2. voce devia colocar fotos aqui pra gente ver não acha ficaria legal , porque nao coloca...

    ResponderExcluir