boo-box

10 fevereiro 2010

A TV já era

(ou como Lost mudou o meu modo de ver TV – e o do resto do mundo)

image Como fã de Lost, estava aguardando ansiosamente o começo da sexta e última temporada do seriado.

Mas dessa vez, o canal AXN resolveu passar a série no Brasil com apenas uma semana de atraso em relação aos Estados Unidos. Pela primeira vez, decidi assistir a um episódio em sua estreia na TV. E descobri que eu não sei mais assistir televisão.

Pra começar, é muito chato ter que esperar a hora do programa começar, e parar tudo que você está fazendo para assisti-lo. Os intervalos quebram completamente o clima. E se você recebe alguma ligação, ou seus amigos querem conversar, a TV não te espera. Exatamente como foi na maior parte da minha vida.

Hoje em dia, a maior parte do meu tempo em que estou assistindo algum vídeo, se não for DVD é algum streaming ou download. A maior vantagem de todas: poder escolher a hora de assistir – o que inclui eventuais pausas. É muito mais cômodo e agradável.

As emissoras já perceberam isso. A ABC, por exemplo, está disponibilizando os episódios de Lost no próprio site. No Brasil, é possível assistir até a quinta temporada no site do Terra. Essa é a tendência para o futuro.

Não creio que eu volte a me acostumar com o antigo modo de ver TV. As novas gerações, então nem se fala – pra elas o Youtube deve ser mais importante que qualquer canal de TV.

De qualquer forma, daqui a pouco vou lá pra sala assistir o futebol. Esse não tem graça deixar pra depois.

5 comentários:

  1. Acredito que as próximas gerações de aparelhos de tv terão acesso à internet, especialmente devido ao Youtube.

    Hoje muitos televisores têm memória embutida, que funciona exatamente igual ao antigo video-cassete. Assim dá pra ver o programa no horário que quiser, inclusive fazendo pausas caso toque o telefone ou alguém queira falar com vc.

    Acredito que a tv ainda não está com seus dias contados. Ela apenas terá que se adaptar aos novos tempos. Até porque, como vc mesmo falou, transmissões esportivas e eventos ao vivo ainda não são substituídos à altura pela internet.

    ResponderExcluir
  2. A título de curiosidade, Drewa, alguns Blu-Ray players já tem programas para acesso ao Youtube no próprio aparelho.

    ResponderExcluir
  3. Falou tudo! e até o futebol dá pra assistir pela internet hehe

    ResponderExcluir
  4. Futebol até dá pra assistir na internet, mas a qualidade da transmissão deixa muito a desejar.

    Eu pelo menos nunca consegui acompanhar um jogo sem interrupções na transmissão.

    ResponderExcluir