Pular para o conteúdo principal

Por quê o Brasil precisa de Luan Santana?

image Até a reportagem do Fantástico desse final de semana, eu não tinha noção do tamanho do sucesso de Luan Santana. Sabia que o cantor é uma presença constante nas paradas da Billboard, tem vendido muitos discos e seus shows são sempre lotados.

Mas entre o reconhecido sucesso comercial e o posto de ídolo número 1 da juventude brasileira há um abismo. Que tudo indica que Luan atravessou.

No cenário da música sertaneja, dificilmente uma dupla (veja só, são sempre duplas) se mantém no topo das paradas por muito tempo. O estilo de cada grupo costuma ser sempre o mesmo a cada novo lançamento. Eles não perdem a base de fãs, mas o público precisa de novidades, e de tempos em tempos elege um novo ídolo.

Nos últimos anos, o papel de queridinhos do Brasil já foi de César Menotti & Fabiano, Victor e Léo, Jorge & Mateus. E agora é de Luan Santana.

No entanto, ele apareceu como uma estrela diferente, e virou ídolo adolescente – ele nasceu nos anos 90! E agora compete em popularidade com os popstars da música teen norte-americana.

E acho muito mais saudável uma garota se apaixonar pelo sertanejo do Luan Santana do que pelo pop artificial dos Jonas Brothers ou pelo hip hop mirim do Justin Bieber.

Luan faz uma música tipicamente brasileira, suas fãs podem ir aos seus shows, tirar fotos, se comunicar com o ídolo.  A juventude precisa de ídolos e essa proximidade boa para os dois lados.

Um astro como Luan Santana também dá uma sobrevida à gravadora, no difícil cenário de pirataria mundial. E seus shows enormes movimentam um intenso mercado, gerando inúmero empregos diretos e indiretos.

Entretanto, esse status de megastar não deve durar muito. Daqui a no máximo um ano, surgirá uma nova dupla sertaneja pra ser a melhor dupla de todos os tempos da última semana. E ídolos adolescentes crescem, bem como seus fãs. O Polegar, Dominó, Menudo, Backstreet Boys e N’Sync já mostraram que o sucesso adolescente não dura pra sempre.

Não estou dizendo que a carreira de Luan Santana está com os dias contados. Mas provavelmente, daqui a 5 anos sua frequência de shows e relação com os fãs deve estar muito diferente.

Até lá ele lotará seus shows, arrancará lágrimas de jovenzinhas e embalará romances juvenis.

P.S.: Mas que isso tudo aconteça onde eu não precise ouvir nem assistir! Nem de sertanejo eu gosto! (E até hoje só ouvi duas músicas dele).

Comentários

  1. Só faltou você dizer que acha ele lindo... hahaha

    ResponderExcluir
  2. Eu não acho, mas as meninas acham.

    E eu tenho certeza que você gosta dele, Ciniro!

    ResponderExcluir
  3. HAHAHA! Não gosto dele nem dos outros (César Menotti & Fabiano, Victor e Léo, Jorge & Mateus - DANIEL). Mas sei as músicas de cor. Admito!

    PS: Você deveria responder os comentários e configurar seu blogger para mandar um email quando houver resposta. Dificilmente volto a um post seu para ver uma ponderação sobre comentário deixado. Vi agora por acaso.

    ResponderExcluir
  4. Ciniro, tem um link escrito "Inscrever-se por e-mail". Clicando nele, você recebe as respostas aos comentários do post.

    Assim, só recebe e-mail quem quiser receber.

    ResponderExcluir
  5. Suellen3:11 AM

    se vc naum gosta dele... pq fez esses comentarios ali? ele é pertfeto! eu amo sertanejo principalmente as musicas dele e ele vai to pra sempre!!!

    bjo

    fã do Luan ;*

    ResponderExcluir
  6. Suellen3:12 AM

    Luan Santana é o melhor.......
    amo ele demais da conta!!
    ;*

    ResponderExcluir
  7. Júlia6:20 PM

    Já ouviu mais do que eu! Acho que só conheço uma, e mooooorro de preguiça!
    Não entendo!! A música é ruim e ele é feio e vesgo!!!

    ResponderExcluir
  8. Anônimo3:48 PM

    DEUS ABENÇOE TODOS VOCES IRMAOS

    ResponderExcluir
  9. Anônimo5:18 PM

    o sua galinha ele é vesgo e é lindo agora vc deve ser um canhão sua horrorosa,ridicula se olha no espelho primeiro nimguem é perfeito tenho certeza que vc é sapatona quanto a isso naõ tenho preconceito nenhum ok hasuashau

    ResponderExcluir
  10. Anônimo5:21 PM

    Adoro fãs xiitas educados...

    ResponderExcluir
  11. Anônimo5:38 PM

    bom, se você não gosta de sertanejo .. pq escreveu isto? AAAAAAAAAH '
    me poorpetaa néé ? o SUCESSO , dele pode até ter dias contados siim , mas qem é FÃ de verdade o AMOOR nunca acaba sacas ?
    você não passa, de um otário que morre de inveja do QUERIDISSIMOOOO luaan s2'

    beeeijos e me liga, NÃO ! :*

    ResponderExcluir
  12. Anônimo5:39 PM

    e outraa , se você não gosta de músiica sertaneja, qual o motivo de perder seu tempo escrevendo este IMENSO texto aee ?

    ResponderExcluir
  13. Anônimo11:45 AM

    eu acho ele lindoo é o mais lindooooooo

    ResponderExcluir
  14. Anônimo9:55 PM

    kkkk
    "IMENSO texto" é ótimo!!!
    Mostra bem como não se lê nada e ainda por cima escuta essas besteiras como Luan...!
    kkkk

    ResponderExcluir
  15. Dizem que ele morou em Marília... sei não.

    ResponderExcluir
  16. Anônimo6:31 PM

    ANONIMOO OTÁRIOO , NÃÃO GOSTOO DE LEER MESMOO, E DAÍ ? O PROBLEMA É MEU NÉÉ ? *-* HAHA, OOTÁRIOO MESMO ! :D e luuan santana ÉÉ O MELHOOR FILHOO , qeem não gosta de luaan que se interna ! voocê não é OOBRIGADOO a gostar, dele ; maiis então CADA um com seu gosto ! =)

    ResponderExcluir
  17. Anônimo6:32 PM

    FILHOO , se você não gosta qe se interne ! ele é o melhoor //2'

    ResponderExcluir
  18. Anônimo8:09 AM

    Gosto e umbigo cada um tem o seu... antes era outra coisa, mas nem isso pode-se dizer que tem um único dono!!

    Parabéns pelos comentários Gregório!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Os patos de Patópolis e o Pato Fu

Recentemente, enquanto lia uma revista do Ducktales (os caçadores de aventuras, todos eles são grandes figuras), me deparei com um quadrinho onde o Capitão Bóing fazia uma ameaça aos seus adversários invocando o poder do Pato Fu (ou seja, o kung fu dos patos). Achei a referência divertida, postei no Twitter, a própria banda retweetou a publicação, mas achei que era um caso isolado.


Pra quem conhece a história da banda, o uso desses termos faz todo sentido. O nome Pato Fu foi inspirado em uma tira do Garfield onde ele lutava Gato Fu.


Normalmente esse tipo de referência é chamado de "easter egg", termo em inglês para ovo de páscoa. É uma surpresa escondida na narrativa (seja ela em quadrinhos, prosa, cinema etc) que não tem influência na história. Assim, quem conhece a referência acha interessante, se diverte um pouco mais e pra quem não conhece a vida continua como se nada tivesse acontecido.

Algumas semanas depois, lendo o volume "A Cidade Fantasma", da coleção do…

O custo de um carro popular é muito maior do que você pensa (uma história real)

Nunca tive o sonho de comprar um carro, até mesmo porque nem gosto de dirigir fora do videogame. E como até pouco tempo atrás eu tinha transporte da empresa para o trabalho, comprar um carro seria um capricho muito caro e desnecessário. Até que voltei para Belo Horizonte e senti a necessidade de comprar um automóvel para ter um pouco mais de conforto. Comprei meu primeiro carro em maio de 2014.

Em 30 meses e pouco mais de 43.000 km rodados, o meu carro gerou um custo mensal de R$1407,02.


Esse valor não inclui o valor que paguei no automóvel, ele refere-se apenas a gastos realizados que não poderão ser repostos com a venda do carro. Pode até parecer um valor muito alto, mas ele foi rigorosamente calculado e pode surpreender os desavisados.

E veja só, meu carro não é extravagante: é um Volkswagen up! com a maioria dos opcionais. Tem motor 1.0, consome muito pouco combustível e a manutenção é relativamente barata. É que mesmo um carro popular pode sair muito caro.

R$27.044,14 com despesas …

As notícias falsas que confundiram o público da Campus Party MG

Tive o prazer de ministrar uma palestra na última edição da Campus Party em MG com o tema "Fake News - Como viver num mundo de mentiras". Em breve, essa palestra estará disponível no YouTube e, assim que tiver o link, compartilho com você.



No início da minha apresentação, mostrei algumas notícias e pedi para o público preencher um questionário avaliando se cada publicação era verdadeira ou falsa. TODAS eram falsas, por mais convincentes que parecessem.

O público da Campus Party é jovem e ligado em tecnologia, o que poderia nos levar à hipótese de que estariam mais antenados e conseguiriam identificar o que realmente aconteceu. Os resultados foram um pouco diferentes.

A primeira notícia falava que o plantão da Globo nos atentados de 11 de setembro interromperam um episódio de Dragon Ball Z. 44% do público estava convencido de que isso era verdade. Esse é um caso curioso, pois é muito comum encontrarmos pessoas que afirmam se lembrar do ocorrido, mas essa é uma espécie de memória…