boo-box

10 julho 2011

Nintendo 3DS, benvindo ao Brasil!

Ontem o Nintendo 3DS foi lançado oficialmente no Brasil. Embora o preço da versão nacional é igual seja igual a aproximadamente o triplo da versão norte-americana, pelo menos já é possível comprar o console legamente nas terras tupiniquins.

Nintendo 3ds Aqua Blue

Há 5 anos um Nintendo DS Lite me acompanha, então questionei se deveria comprar a nova versão do portátil. Nintendista desde 1990, não resisti quando vi o console na minha frente quado viajei para o Lollapalooza e acabei comprando um pra mim.

Com 3 meses de utilização, posso afirmar que a compra foi uma escolha acertada. O 3D do videogame é o efeito tridimensional mais impressionante que já vi. Com relação à jogabilidade, ele influencia pouco (inclusive, é possível desativar o 3D durante os jogos), mas visualmente é fantástico.

O Nintendo 3DS também traz novidades como interação por realidade aumentada (que ainda é uma inovação pouco exlporada, mas cheia de potencial) e sensores de movimento. Para concorrer com os smartphones e tablets, há uma loja virtual com jogos baratos, e também com os jogos vendidos em loja para download por um preço mais em conta. Essa última opção, no entanto, não está mais disponível na loja nacional.

O Street Pass é um recurso que localiza pessoas com o videogame ligado ou em stand by que estão por perto, que ainda não tive a oportunidade de aproveitar. Com o aparelho oficialmente lançado, creio que já será possível cruzar com nintendistas pelas ruas da cidade.

A Nintendo mais uma vez lança um aparelho que inova em termos de jogabilidede, como foi com o Nintendinho, Nintendo 64 e o Wii. A empresa sempre foi soberana no universo gamer portátil, mas agora concorre os smartphones principalmente entre os jogadores casuais. O 3DS prova que eles estão um passo à frente e que o resto do mundo ainda precisa inovar bastante pra superar a Nintendo.

Sem contar que só a Nintendo tem Mario Bros, Zelda, Donkey Kong e Pokémon.

Nenhum comentário:

Postar um comentário