boo-box

21 março 2012

Jogos Vorazes

jogos vorazes

O trailer do filme Jogos Vorazes me conquistou na primeira vez que vi. Correndo contra o tempo, adquiri o primeiro livro da série para poder ler antes da estreia do filme, prevista para o dia 23 de março.

Antes de tudo, ignore os cartazes que contém a frase: “A mais nova febre mundial tão grandiosa como “Harry Potter” e “A Saga Crepúsculo””. Basicamente, essa frase tenta atrair o público das séries citadas, mas que não tem nenhuma relação com a história de Jogos Vorazes. Provalmente foi criada por pessoas que colocam “muito louco” nos títulos de filmes. A semelhança é que o longa é baseado num livro de uma série voltada para o público infanto juvenil.

A única comparação coerente que consigo enxergar é com o mangá Battle Royale. Ambas as histórias tratam de jovens que tem que lutar até a morte em um reality show. Premissa interessante, recheada de crítica política, e primorosamente desenvolvida tanto no livro quanto na série de mangás.

Ao longo das quase quatrocentas páginas, o livro consegue manter o suspense, a tensão e até gotículas de romance. A trama é direta, linear, sem histórias paralelas. É envolvente o suficiente para cativar adultos (categoria em que me enquadro) embora seja direcionada a um público mais jovem.

O ritmo é cinematógráfico, e uma adaptação para o cinema parece nada mais que um caminho natural. A estrutura na narrativa, inclusive, é apropriada para a filmagem seja feita sem prejuízos à história.

O filme procura conquistar o espaço deixado por longas sagas baseadas em livros e, se foi bem executado (só vou saber disso na sexta) deve garantir seu lugar entre o público jovem nos próximos anos.

E se você ainda não leu, o livro é empolgante o suficiente para que você consiga terminá-lo antes do filme sair de cartaz.

2 comentários:

  1. mas é realmente necessário ler o livro antes de ver o filme???
    acho que vou preferir a surpresa do momento, na sala de cinema... até porque, certeza que não vou ler o livro em menos de uma semana!!!

    ResponderExcluir
  2. Necessário não é, mas eu acho melhor ler o livro antes. No cinema, as surpresas se resolvem em duas horas. Nos livros podem levar uma semana inteira.

    E eu acho que quando eu vejo o filme antes, eu acabo ficando desmotivado para ler a história.

    ResponderExcluir