boo-box

09 outubro 2012

Você não precisa de uma televisão tão grande!

(ou será que precisa?)

 TV Samsung 60 polegadas

Pra muita gente, quanto maior é uma televisão, melhor. Pode até ser em muitos casos, mas em determinadas situações o tamanho exagerado de uma TV acaba sendo prejudicial.

O assunto “retina display” tem aparecido constantemente nas publicações (e propagandas) de tecnologia. Basicamente, um tela com retina display tem a resolução tão alta que o olho humano não consegue perceber a existência dos pixels.

Só que na prática, qualquer televisão pode ser uma “retina display”. Isso só depende da distância em que o telespectador está dela.

Nota: Se você se assustou com as fórmulas abaixo e não quer saber de matemática, não precisa parar de ler. Todas as contas estão resolvidas e aparecem só como referência. Você pode simplesmente ignorá-las e continuar lendo o texto.

Existe uma fórmula utilizada para se calcular qual é a distância ideal de uma tela.

Equação para distância ideal da televisãoOnde:

D = Distância ideal (é o número que está sendo calculado);
DD  = Diagonal (é o tamanho “comercial” da TV. Ex: 32 polegadas);
RH = Resolução horizontal (quantidade de colunas de pixels);
RV = Resolução vertical (quantidade de linhas de pixel);
RA = Resolução atual (quantidade de linhas do que está sendo transmitido).

Caso você esteja a uma distância menor que a ideal, a imagem será prejudicada, dando a impressão de que está quadriculada (pois na verdade está). À distância maior que a ideal, no entanto, você começa a perder detalhes, pois os pixels começam a se juntar.

A partir dessa equação, formulei alguns exemplos.

Supondo que sua TV tem 32 polegadas. Para assistir um blu-ray (que tem RA=1080 linhas), a distância ideal é 1,27 metros, conforme equação abaixo.

Equação para distância ideal da televisão - 32 polegadas em Full HDIsso quer dizer que para explorar o máximo potencial de uma imagem de um blu-ray ou de uma transmissão em HD, é preciso ficar a 1,27 metros da televisão. No entanto, a situação muda se você estiver assistindo um DVD (que tem RA=480 linhas):

Equação para distância ideal da televisão - 32 polegadas em DVDComo visto na equação anterior, um DVD é plenamente aproveitado à uma distância de 2,85 metros da tela. Menos que isso a imagem acaba ficando serrilhada.

Agora imagine que  sua TV tem 42 polegadas. Para assistir à programação normal de TV (que não é transmitida em HD), a distância ideal é de quase impossíveis 3,75 metros. A sala tem que ser grande pra caramba. Se discordar, confira a equação.

Equação para distância ideal da televisão - 42 polegadas em DVDSó que as televisões não pararam de crescer. Está cada vez mais comum encontrarmos aparelhos de 60 polegadas. Uma televisão dessas é o sonho dos cinéfilos que podem assistir blu-rays a 2,45 metros da tela, o que é bastante razoável.

Equação para distância ideal da televisão - 60 polegadas em Full HDSe a mídia escolhida for um DVD, no entanto, você vai ter que ir pra casa do vizinho e assistir da janela. Ou então ter 5,35 metros livres na sala.

Equação para distância ideal da televisão - 60 polegadas em DVDPara um mundo em HD, as televisões de hoje tem um tamanho adequado.No entanto, a maior parte das transmissões ainda é em resolução tradicional – nem todo lugar tem cobertura de TV aberta em HD e os DVDs ainda são mais populares que os blu-rays.

Utilizar uma TV de última geração sem aproveitar todo seu potencial é como matar mosquito com bazuca. O resultado final é o mesmo, mas há um grande desperdício no caminho.

Termino com uma sugestão. calculem a distância ideal para cada tipo de situação e colem uma fita adesiva no chão para marcação. Instale rodinhas no sofá para movê-lo de acordo com a situação. E aproveitem ao máximo seus televisores.

02 outubro 2012

O ingresso é caro e a culpa é sua

Ontem as mídias sociais ficaram movimentadas com o anúncio das informações detalhadas sobre o festival Lollapalooza Brasil. Em primeiro lugar, por causa do line up que, na minha humilde opinião, é a melhor escalação de bandas em um festival que já vi no Brasil. E em segundo lugar por causa do preço: a pré-venda custa 900 reais para três dias.

Caixa Forte

Não pesquisei a fundo, mas pelo que conheço, acredito que o ingresso é um dos mais caros do mundo. Me sinto à vontade pra afirmar que há dois motivos que fazem com que os preços dos shows internacionais sejam tão altos no Brasil.

1 – Carteiras de estudante falsas

A lei de meia-entrada já foi boa (principalmente quando eu era estudante), mas o público em geral não soube aproveitar o benefício e hoje ela só serve pra fazer as pessoas honestas se darem mal. O motivo é a quantidade de documentos falsos que as pessoas fazem para usufruir do benefício da meia-entrada.

Só no Lollapalooza desse ano, 87% das entradas vendidas foram meia. Sinceramente, não creio que metade delas sejam para estudantes de verdade (embora não tenha dados concretos para provar essa teoria).

Na prática, as pessoas honestas pagam um preço muito mais alto pela inteira, enquanto uns espertalhões falsificam suas identidades estudantis para pagar menos. Além de prejudicar o próximo, é crime. Ilegal, imoral e tomara que engorde.

Se você é meu amigo e falsifica seus documentos, não me conte. Parte do seu ingresso sou eu quem estou pagando. E se eu ficar sabendo que você faz isso, vou ficar decepcioando.

2 – As pessoas pagam o preço cobrado

Aí é lei básica de mercado. Os produtores jogam o preço lá pra cima. O pessoal reclama, mas esgota os ingressos. Nos próximos shows, os preços são ainda maiores. Até chegarmos a um momento em que as pessoas vão deixar de comprar.

O ideal seria não comprarmos os ingressos quando eles forem muito caros. Mas como ninguém quer perder o show de seu artista favorito que pode nem voltar ao Brasil, a gente acaba cedendo e pagando.

Nesse item eu me incluo como culpado. Já paguei caro por shows. Acho que a maioria compensou (mas deve ter compensado muito mais para os produtores que pra mim).

Concluindo

Se as pessoas parassem de falsificar documentos (por um mundo melhor) e não comprassem os ingressos quando eles forem muito caros, é possível reverter a situação.

Mas é difícil. O Lollapalooza colocou algumas dezenas de milhares de ingressos à venda nessa madrugada. Antes do dia terminar, se esgotaram.

Se tem carteirinha de estudante falsa e paga quanto dinheiro for necessário para ir aos seus shows favoritos, não reclame dos preços dos ingressos. Mais do que dos produtores que definem o valor das entradas, a culpa é sua.