Pular para o conteúdo principal

O WhatsApp será pago a partir deste sábado

(ou não)

Não sei quando foi criada a primeira corrente, mas foi antes da internet. Lembro de receber cartas pelo correio com pedidos para serem encaminhadas para dezenas de pessoas, sempre com um objetivo inalcançável. A tecnologia muda, e as correntes se adaptam.

Hoje recebi a seguinte mensagem, no aplicativo WhatsApp (disponível para a maioria dos smartphones).

Apartir deste sábado o WhatsApp será pago mensalmente num valor de 2,99U$, por nossos servidores estarem se congestionando, os usuarios frequentes não terão de pagar mas para isso envie essa mensagem para 20 pessoas, seu WhatsApp ficara vermelho e entao os que o icone do mesmo nao for vermelho perderam suas contas tendo de pagar mais 20 U$ para renovalas! Atenciosamente Marcos Fillardo (CEO do WhatsApp)


Vou poupar o remetente, já foi vergonha demais o fato dele ter repassado a mensagem para vinte pessoas.

Claramente, é uma mensagem falsa. Mas como ela está se espalhando, vou cumprir meu papel de mentor para assuntos tecnológicos e tentar ser didático pra ajudar quem porventura possa ter alguma dúvida.

O primeiro ponto que chama a atenção são os erros de português. É natural errar, eu mesmo erro bastante por aqui (nunca de propósito, é claro), mas os erros da mensagem são grotescos. Dificilmente uma empresa respeitada enviaria aos seus clientes um texto tão mal escrito até porque esse respeito iria por água abaixo.

Outro detalhe estranho é o meio pelo qual a mensagem foi compartilhada: os próprios usuários. Se uma empresa quisesse cobrar por um serviço, ela iria no mínimo enviar um e-mail aos seus usuários, ou mesmo embutir uma mensagem em seu próprio aplicativo. Contar com seus clientes para transmitir tão importante comunicação é irreal.

E por último, mas não menos importante, uma regra de ouro: NUNCA (eu disse NUNCA) vai acontecer alguma coisa se você repassar uma mensagem, foto ou vídeo para sua lista de contatos. Ninguém vai doar centavos e você não vai ganhar um carro. Isso vale para e-mails, Facebook, mensagens de celular e todos os outros tipos de comunicação digital. Mentira, podem acontecer duas coisas. Ou seus contatos também vão repassar a mensagem, ou eles vão rir de você.

Resumindo: pode continuar usando seu WhatsApp. Você não vai ser cobrado por enquanto. E se por acaso  o serviço passar a ser pago, você provavelmente receberá uma comunicação adequada.


Comentários

  1. Anônimo7:19 PM

    Muito obrigada pela postagem!

    ResponderExcluir
  2. E lembrando que o CEO do WhatsApp é Jim Balsamic. haha

    ResponderExcluir
  3. Amanda11:49 AM

    A mensagem que eu recebi ainda tinha um pouco de poesia! Sim, olha que lindo: "você será livre para a vida vai olhar e do azul. bola acima fazer Como veremos!" hahahahahaha

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

(Re)instalando o Android 4.1.2 no Samsung Galaxy S3

Atualizado em 18 de maio de 2013 No começo de fevereiro, Samsung Brasil fez a alegria dos proprietários do Galaxy S3 ao liberar mais uma atualização do Android para o aparelho. Conhecida como Premium Suite, a nova versão do firmware tem o Android Jelly Bean 4.1.2 com diversas customizações da fabricante coreana. Acontece que alguns aparelhos passaram a apresentar inúmeros problemas após essa atualização (o meu entrou nessa lista). Procurei em diversos fóruns e sites a solução, e acabei não encontrando. Apenas constatei que eu não era o único que estava angustiado. Entre os problemas apresentados após a atualização, estão: Telefone não carrega a bateria ao plugar na tomada; Aparelho desliga sozinho; Aplicativos travam, forçando o reinício do sistema operacional; Sobreaquecimento; Telefone não recebe dados conectado ao Wi-Fi; Lentidão extrema; Interface TouchWiz sem fluidez; Consumo excessivo de energia. Meu telefone apresentou quase todos esses sintomas. Isso é meio

O que acontece se um vampiro morder um zumbi? E se um zumbi morder um vampiro?

Já parou pra pensar no que acontece quando um vampiro morde um zumbi? Será que o zumbi vira um vampiro? E quando a situação é a inversa? Será que uma mordida de zumbi transforma o ser de dentes pontudos? Tanto vampiros quanto zumbis são seres que podem ser classificados como "mortos-vivos". Isso significa que, apesar deles conseguirem executar certas ações que usualmente apenas os seres vivos são capazes, eles estão mortos. Na prática, se um vampiro morder um zumbi ou vice-versa não acontece nada.  A razão desse efeito (ou da ausência de efeito) é que os zumbis mordem apenas seres vivos. Por esse motivo, eles não mordem outros zumbis, vampiros e múmias, por exemplo. Por outro lado, os vampiros precisam se alimentar de sangue de seres vivos. E, embora os zumbis tenham sangue circulando em suas veias, eles já estão mortos. Assim sendo, se um vampiro cruzar com um zumbi, certamente eles não se atacarão. E mesmo supondo que seja um vampiro doidão que queira m

Anderlaine

Meu e-mail é "Gregório underline Fonseca @ Gregório's Corporation ponto com". Sabe onde está o erro? No underline . Na verdade, não existe nenhum e-mail no mundo com underline . Nem o seu. A origem dessa designação para o símbolo "_" no Brasil é desconhecida. O correto, em inglês, seria underscore . A tradução para o português é "traço baixo". Mas em algum momento da história da humanidade, alguém resolveu chamar o "traço baixo" de underline , e assim o termo se popularizou. Já experimentou dizer um termo com um underscore no meio? Na maioria das vezes, se a pessoa não faz uma careta de que não está entendendo, ela responde com a pergunta: " Underline , né?" Mas eu insisto em dizer o termo correto. Por mais que possa ser chato pra mim, acho importante ter esse papel educativo. Underline deve ser usado para se referir ao texto sublinhado, desse jeito, ó ! Apesar disso tudo, acho que essa é uma batalha perdida. É mais um e