boo-box

22 abril 2013

Pisando em Lego

(quando blocos de brinquedo e circuitos integrados podem ser prejudiciais à sua saúde)
Ano passado a Lego divulgou uma animação em computação gráfica contando a história da empresa. Era tão bem executada que tinha potencial até pra ser indicada ao Oscar de melhor curta-metragem em animação (na minha humilde opinião).

Se ainda não viu esse vídeo, você pode conhecê-lo aqui.

Quase um ano depois, a Lego divulgou uma cena cortada do filme, mostrando uma bela duma pisada em um bloco. Só quem brincou com Lego quando criança sabe o que era colocar todo o seu peso sobre uma única pecinha.

O vídeo não é tão emotivo quanto o primeiro, é só uma piada curta que vai criar um efeito de nostalgia em algumas pessoas. Mas é legal mesmo assim.


P.S.: Já na adolescência, quando comecei a estudar eletrônica, conheci um componente muito mais perigoso que bloquinhos de Lego: os famigerados circuitos integrados. Nesse caso, os acidentes aconteciam nas bancadas, quando eu apoiava a mão sobre uma dessas baratinhas. Isso doía de verdade!


Nenhum comentário:

Postar um comentário