boo-box

18 maio 2013

Os shows que mais perdi na vida

Recentemente publiquei uma lista das bandas que vi ao vivo aqui no blog. Tive a oportunidade de assistir a maior parte de minhas bandas preferidas ao vivo, mas ainda existe uma grande lista de shows que quero ver.

Duas delas eu estive perto de ver, mas perdi. Coldplay e The Vaccines, mais de uma vez.



Estava tudo certo para minha ida ao show do Coldplay no Morumbi, no dia 10 de março de 2009, terça-feira. Eu estaria de férias, após ter apresentado o trabalho final da minha especialização na sexta-feira anterior. Na última semana, no entanto, o trabalho teve sua apresentação adiada para... 10 de março. E nisso meu show já era.

Na minha segunda oportunidade, garanti o meu ingresso para o Rock in Rio de 2011 com quase um ano de antecedência. Dessa vez, nada me faria perder o show do Coldplay. Ou não. Tirei férias e fui pra Orlando na data do festival. Certamente uma viagem pra Orlando é muito mais interessante que o Rock in Rio, mas o fato é que mais uma vez perdi um show do Coldplay, com ingresso nas mãos (que foi reembolsado posteriormente).

Eu ainda tive a ilusão que os veria no começo desse ano, quando a banda anunciou uma turnê em novembro do ano passado. Mas acho que, como souberam que eu iria, cancelaram a visita na mesma semana.


As histórias do Vaccines foram um pouco diferentes, mas tiveram o mesmo resultado final: minha não ida aos shows.

O primeiro deles seria em 2011, no Festival Planeta Terra. Já tinha comprado meu ingresso e fui ao festival. Dessa vez, a banda quem não foi. Cancelaram sua participação no evento para sair em turnê com os Arctic Monkeys nos EUA.

Como forma de desculpa aos brasileiros, vieram no começo de 2012. Mais uma vez, comprei o ingresso, como descrevi nesse post antigo. Mas por algum motivo que eu não me lembro (acho que tive que viajar) não fui ao show e devolvi meu ingresso.

A banda toca no Brasil mais uma vez hoje à noite, e vê-los está em meus planos. Espero sinceramente que não aconteça nenhuma catástrofe que me impeça dessa vez.


Nenhum comentário:

Postar um comentário