boo-box

11 junho 2014

Swiftkey - A reinvenção da escrita no celular

(e quando eu falo em reinvenção, é reinvenção mesmo, dessas de quebrar paradigmas)

Eu não acreditava que um teclado touchscreen pudesse ser melhor que um teclado físico até criarem o Swype. Eu não acreditava que um teclado pudesse ser melhor que o Swype até conhecer o SwiftKey.

Eu me lembro da preguiça enorme que eu tinha de digitar mensagens usando o teclado numérico dos telefones antigos. Ter que apertar a mesma tecla quatro vezes só pra conseguir inserir a letra "S" era um suplício. Mas por muito tempo essa foi a única opção disponível.


Depois criaram um recurso que completava as palavras automaticamente (conhecido como T9) que ajudava, mas ainda assim era muito arcaico.

Quando surgiram os teclados QWERTY para celular (teclados como os de computador, com uma tecla para cada letra), eu achei que havíamos chegado ao ápice da tecnologia de digitação em celulares. Nesse período também surgiram os primeiros teclados touchscreen, mas que costumavam ser bem piores devido à baixa sensibilidade e precisão.


A história começou a mudar com os surgimento dos smartphones. O teclado do iPhone surgiu como algo quase que revolucionário, pois era a primeira vez que era razoavelmente bom digitar em uma tela touchscreen. Ainda assim, ele ainda era inferior a um teclado físico. A tecnologia evoluiu rapidamente e hoje o teclado do iPhone parece muito arcaico se comparado aos do Android.


O Swype, disponível no Android, foi uma quebra enorme de paradigma. É um teclado onde você desliza o dedo pelas letras ao invés pressioná-las uma a uma. Quem nunca viu esse teclado em funcionamento normalmente sai impressionado após o primeiro contato.

Quando eu achava que não havia mais o que melhorar, surgiu o Swiftkey. Ele mistura o melhor do Swype com o melhor do iPhone. O mais impressionante é que você não necessariamente precisa apertar as teclas corretas para que as palavras sejam formadas. Ele corrige seus erros e prevê seu texto. O sistema de aprendizado é impressionante e, uma vez usando-o, você não vai conseguir abandoná-lo dada a melhoria na eficiência da sua digitação.

Qualquer argumento que eu tentar escrever vai parecer marketing. O melhor argumento nesse caso é a prática. Basta usar o Swiftkey por uns 3 dias (pra dar tempo dele se "acostumar" com seu estilo) para ver o quanto ele é bom. É importante passar ao menos um curto período utilizando-o, pois ele precisa "aprender". A experiência vai te mostrar.

Até algumas horas atrás, ele era um aplicativo pago (e relativamente caro). A grande notícia de hoje é que agora o Swiftkey é gratuito. E você pode baixá-lo aqui. Eu não perderia tempo e instalaria ele nesse mesmo instante no meu smartphone.

Ah, quem usa iPhone ou Windows Phone está de fora da brincadeira.

Baixe o Swiftkey aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário